Empregos na crise: conheça os 3 melhores


Conheça as três melhores opções de emprego na crise. A recessão econômica afetou diretamente o mercado de trabalho, mas apesar do alto número de demissões algumas profissões se tornaram muito requisitadas. Isso porque em momentos como este, as empresas buscam por soluções e planejamentos para economizar e se manter estável.

Entre as profissões com o maior número de trabalhadores desempregados estão aquelas que exigem investimento de terceiros, como a de vendedor, corretor imobiliário, analista de pesquisa e desenvolvimento de produto, engenheiro civil, gerente de projetos e analista de treinamento e desenvolvimento. Elas são prejudicadas por conta da necessidade excessiva de corte de gastos.

Analista de crédito e risco é uma boa dica de profissão. (Foto Ilustrativa)

Analista de crédito e risco é uma boa dica de profissão. (Foto Ilustrativa)

No entanto, outras áreas são essenciais durante a crise para ajudar o empregador a evitar qualquer tipo de gasto. As profissões mais privilegiadas nessa fase são aquelas responsáveis por analisar e planejar, que auxiliam o empregador a conter gastos e a desenvolver estratégias para que os lucros não sejam tão baixos.

Melhores empregos na crise

Veja quais são os melhores empregos na crise econômica:

Analista de crédito e risco

Para exercer a profissão é necessária a formação em ciências contábeis, administração, economia ou áreas afins. Tanto o analista quanto o gerente de crédito e risco possuem grandes chances de ingresso no mercado de trabalho durante a crise, quem já atua na área também conta com maior chance de promoção de cargo.

Esse profissional é responsável por analisar com profundidade atual situação financeira da empresa onde trabalha com o objetivo de detectar se há possibilidade de manter o atual orçamento ou se é preciso elaborar estratégias para diminuir consideravelmente os gastos. Empresas que não estão em situação econômica favorável ou que pertencem a um dos setores mais afetados pela crise, são as que mais contratam.

Gerente de Logística

Para ocupar o cargo as empresas buscam por profissionais formados em administração ou tecnólogo em logística, especializações na área e pelo menos dois anos de experiência no setor fazem desse tipo de profissional um forte candidato no processo seletivo de qualquer empresa.

O gerente de logística conta com boas oportunidades no mercado. (Foto Ilustrativa)

O gerente de logística conta com boas oportunidades no mercado. (Foto Ilustrativa)

O setor de logística demanda muitos gastos, especialmente em empresas de grande porte, que produzem muito e comercializam seus produtos em todos as regiões do país. Um gerente altamente capacitado auxilia a empresa em época de recessão econômica, buscando alternativas que diminuem os gastos do setor de logística sem que a funcionalidade do departamento seja afetada.

Analista fiscal

Função de extrema importância para a empresa em época de crise econômica, isso porque os impostos tendem a subir e as mudanças na empresa são bastante comuns. Para conquistar o cargo é necessário ensino superior completo, com formação em áreas como ciências contábeis ou até mesmo direito, desde que o profissional conte com especialização em direito tributário.

O objetivo da empresa que contrata esse profissional é garantir o pagamento de todos os impostos, dar cumprimento nas leis trabalhistas e tributárias e prevenir irregularidade num momento de transição, onde as mudanças no orçamento e na estrutura organizacional da empresa são fundamentais para que ela não perca credibilidade no mercado e não seja comprometida à longo prazo pela situação econômica do país.

Gostaram das dicas pessoal?

Dúvidas e sugestões podem deixar nos comentários!

Recomendados para você:

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *